Category Archives: Movimento interrompido

Neurose e movimento interrompido

 

Existem duas situações básicas que provocam dificuldades nos relacionamentos: uma delas é a identificação inconsciente com outro membro do sistema; a outra é a interrupção do movimento natural de “entregar-se a”. Esse movimento não pode completar-se adequadamente quando o anseio natural de entrega da criança a alguém que ela ama é interrompido (por exemplo por causa de situações como morte, doenças, ou outras circunstâncias que forçaram a separação).

A essas interrupções seguem-se fortes sentimentos de mágoa, rejeição, desespero, ódio, resignação e angústia. (…) Quando as crianças não conseguem entregar-se à pessoa que amam, tendem a sentir-se inteiramente rejeitadas, como se houvesse algo de errado nelas, e suspendem o movimento amoroso.

El dueño del sueño, de Noemi Vilamuza

El dueño del sueño, de Noemi Vilamuza

Sempre que, mais tarde na vida, quiserem entregar-se a outra pessoa, as lembranças da mágoa virão inconscientemente à tona e interromperão o movimento, de tal forma que a reacção será a mesma de antes. (…)

Um movimento interrompido de entrega pode manifestar-se sob a forma de tensão muscular, cefaleias, comportamentos auto-destrutivos, ou em dinâmicas internas que se apoiam em ideias como por exemplo “jamais mostrarei fraqueza” ou “nada nem ninguém me pode ajudar”. Em vez de o movimento amoroso ser conduzido até ao seu termo, essa pessoa recua ou entra num padrão circular de “avanço/ fuga”. Eis a raiz do comportamento neurótico.

(…) A solução sobrevém apenas quando o movimento alcança o seu objectivo e se completa (…). Depois de obter a experiência nova de completar o movimento, os outros movimentos de entrega tornam-se mais fáceis.

Texto adaptado por Eva Jacinto de “A Simetria Oculta do Amor”, Bert Hellinger (pág. 267-268). Reunido e organizado por Gunthard Weber e Hunther Beaumont. Publicado pela Editora Cultrix, São Paulo. ISBN: 978-85-316-0603-

Tagged , , ,

Movimento interrompido, por Bert Hellinger

Bert Hellinger fala sobre o “movimento interrompido” (trauma) num seminário em Itália (com legendas em português).

 

Tagged ,

Nunca é tarde…

“Nunca é tarde demais para se ter uma infância feliz.”

“It’s never too late to have a happy childhood“. Milton Erickson

 

criança com pomba Picasso 1901 pequeno

Picasso, 1901

 

Tagged , , , ,

Dificuldades nas relações e comportamentos neuróticos

 

Edvard Munch - "Two human beings the lonely ones",1899

Edvard Munch – “Two human beings the lonely ones”,1899

Existem duas situações básicas que provocam dificuldades nos relacionamentos: uma delas é a identificação inconsciente com outro membro do sistema; a outra é a interrupção do movimento natural de “entregar-se a”. Esse movimento não pode completar-se adequadamente quando o anseio natural de entrega da criança a alguém que ela ama é interrompido (por exemplo por causa de situações como morte, doenças, ou outras circunstâncias que forçaram a separação).

Continuar a ler

Tagged , , , ,
%d bloggers like this: