Retrospectiva: Bert e Sophie Hellinger em São Paulo, Brasil

Um resumo do colega René Schubert sobre o último encontro de Bert Hellinger no Brasil, em Dezembro de 2012.

“O Amplo salão no espaço comportava muitas pessoas, mas parecia pequeno frente a grande quantidade de profissionais e interessados nas palavras e experiências conduzidas pelo criador das Constelações Familiar, Bert Hellinger e sua esposa, Sophie Hellinger.

Profissionais de todo Brasil  de diversas instituições e saberes estavam presentes e as trocas ocorreriam de maneira descontraída e leve. Os organizadores brasileiros Mimansa, Renato Bartate e  Simone Arrojo acompanharam todos os detalhes do evento e foram diversas vezes elogiados pelo casal Hellinger e pelo público, por terem tomado para si a tarefa de tornar tal evento possível.

Tivemos logo ao primeiro dia, uma constelação voltada para o relacionamento de casais e algumas voltadas para temáticas pessoais. Entre um trabalho e outro, Bert ou Sophie conduziam uma meditação ou trabalhos de visualização e introspecção com o público. Bert falou bastante sobre as Novas Constelações Familiares, apontando a mudança de postura no facilitador e na forma de condução dos fenômenos que ocorrem no Campo. Falou também muito sobre religião e espiritualidade. Sophie ressaltou que num trabalho de Constelação Familiar não só o cliente é favorecido pelo movimento do campo e pela Constelação, mas também os representantes e quem assiste à Constelação. Apontou que quem assistia deveria entrar em contato com os representantes e se deixar levar mentalmente pelo campo, permitindo uma interação e ser tocado pelas manifestações do campo. Bert comentou que um representante não representa apenas uma pessoa, por diversas vezes representa diversas camadas ancestrais – e o facilitador não deve se prender ao papel que este recebeu originalmente, mas atentar aos movimentos do campo para perceber o que era essencial.

No dia 15 à noite Bert e Sophie organizaram o encontro de membros da Hellinger Sciencia e foi a oportunidade para tirar duvidas diretamente com eles. Durante uma hora responderam questões voltadas a duvidas pessoais e formas de condução e postura em relação às Novas Constelações Familiares.

Dia 16, domingo, foi o encerramento do evento e também aniversário de Bert Hellinger – ele iniciou o evento dizendo que: “quando as pessoas percebem que tenho agora 87 anos deveriam dizer: mas ele SÓ tem 87 anos!”. De forma profunda e humorada seguiu-se para o encerramento das atividades. O encontro foi muito gratificante e há esperança de que talvez encontros como estes voltem a ocorrer nos anos que se seguem. Estaremos aguardando ansiosamente, para poder continuamente aprender, desenvolver e beber diretamente da fonte!”

via Constelações Sistêmicas Familiares e Organizacionais: Retrospectiva: Bert e Sophie Hellinger em São Paulo.

Tagged ,